terça-feira, 17 de abril de 2012

Mãos que falam

Palavras emocionadas
Da alma extravaza
Sentimentos sensíveis
Despertam para a beleza
Nas escritas declinadas
De emoções que escorrem
pelas mãos delicadas.
Denise Flor©